quarta-feira, janeiro 14, 2009

o bôbo







2 comentários:

Maestro disse...

o meu bobo favorito :) nao gosto de entrar em cliches mas fiquei simplesmente abismado pelo trabalho deste senhor!

Fresquinha disse...

Concordo, Maestro. Também achei fora de série o trabalho deste bôbo.

Bj