quinta-feira, novembro 15, 2007

tomar banhinho


Nove milhões de Parisienses visitam anualmente uma das 18 casas de banhos públicas da capital.
A maioria é pobre, sem abrigo, ou vive em pequenos hoteis. Outros são estudantes, ou pessoas a quem a electricidade foi cortada, por falta de pagamento, e não aguentam duches frios em casa. Aos fins de semana, as salas de espera estão lotadas. Os banhos e duches são gratuitos, mas é necessário trazer a própria toalha e sabonete. Cada banho tem a duração máxima de 20 minutos.
Adaptado à realidade portuguesa, não sei se não seria má ideia.

4 comentários:

xico.lf disse...

Fresquinha ...

Seria ... é uma ÓPTIMA IDEIA!
Havia, li há tempos num jornal, uma casa de banhos assim no Alto de Santo Amaro (acho).
Nas empresas grandes também seria uma boa medida!...
:-))

Com oferta de shampoo ...

fresquinha disse...

E pré-lavagem ...

osbandalhos disse...

é coisa de estatística ou os portugas têm a mania que são limpinhos e que ninguém consegue, sequer, sair de casa sem um duche?
O povo mais idiota, no país mais atrasado da europa é, ainda por cima, maníaco.
Em vez de casas de banho públicas devíamos ter urgências psiquiátricas.

fresquinha disse...

É outra ideia, bandalhos, é outra ideia ...